A Vida, o Universo e Todas as Coisas: Por Quê ?

A Grande Pergunta. Por quê ?

A resposta não é 42. hehehe. (vide Guia do Mochileiro das Galáxias)

Há pessoas que acham desnecessária essa busca pela entendimento, essa busca pela verdade. Elas dizem que buscar o significado de tudo, da vida e do Universo não traz nada a não ser dores de cabeça, e clamam que isso jamais será possível, que é como se andássemos em círculos e nunca chegássemos a lugar algum.

Eu penso diferente. Acho que, quanto mais desvendamos a verdade, mais nos livramos de formas erradas de pensar e agir. Desvendando a verdade, descobrimos novas formas de viver a vida. Nós nos libertamos do supérfluo; dos pensamentos inúteis, dos comportamentos tolos, enfim, de tudo aquilo que não servirá de nada para nós. Nós paramos de desperdiçar energia e tempo com tudo o que não interessa. Passamos a focar os nossos esforços de forma mais eficiente. Aproveitamos mais o tempo, aproveitamos mais a nossa capacidade mental, a nossa razão, as nossas emoções.

Outra coisa essencial é que silenciamos a voz indagadora que vem de dentro. Compreendendo o universo, compreendemos a nós mesmos e todo o resto. E vice-versa: compreendendo a nós mesmos, compreendemos todo o Universo. Por isso acho que toda busca é saudável e necessária. Acho importante buscar a sua resposta pessoal para a sua pergunta pessoal, pois todos nós temos essa busca. Todos queremos ser felizes, e as respostas são a chave para isso!! É nisso que acredito e é o que eu quero compartilhar. Mostrarei aqui os passos que estou dando, as informações que vou encontrando. Quem sabe eu conheça outros buscadores?

Se junte à conversa

12 comentários

  1. "Busco, logo existo", esse é o meu lema.
    Sempre tive muita vontade de conhecer o 'desconhecido', e também estou começando a dar meus primeiros passos mais consistentes rumo à alguma resposta.
    Que façamos boa viagem!

    Curtir

  2. é a velha história: 'qto mais dizemos que o homem perdeu a ligação com a natureza, estamos dizendo ue perdemos a conexão com nós mesmos"

    verdades e mentiras à parte, só podemos confiar mesmo naquilo que nos assusta. 🙂

    Curtir

    1. Sinto-me honrado em receber tão sábia pessoa em minha humilde 'casa'. Seja bem-vinda 🙂
      "só podemos confiar mesmo naquilo que nos assusta."
      Sim. Pouco a pouco vou mergulhando no infinito, vencendo os medos. É o que ouvi falar por aí: enfrentar o medo é encarar a si mesmo, e aceitar.

      Curtir

  3. "Buscai a verdade como quem busca o horizonte.

    Pois vós sabeis: o horizonte está sempre à frente. Não adianta se virar para outra direção nem pegar um atalho. O horizonte está além de qualquer atalho, e seu reino jaz no fim de todos os caminhos.

    Mas não vos inquieteis com a imensidão do céu nem com a distância que vos separa da verdade. O infinito é dividido em eras, as eras são divididas em dias dos homens, e tais dias são divididos em momentos…

    A cada momento a sua preocupação, e a sua verdade. Não acheis que algum momento trará “a verdade”, mas ficais satisfeitos se encontrardes “uma verdade”."

    Curtir

  4. Pra questao do horizonte desculpa lah mas eh uma mera questao da terra ser redonda… mas piadinhas a parte, percebi que o texto do raph, poetico e tb filosofico, esta entre aspas vc teria como postar o autor, eu gostei do conteudo.

    PS: desculpa a falta de acentuacao (teclado em ingles eh um porre).

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: